quinta-feira, 16 de agosto de 2012

conkrEreções



fotos: artur gomes


qualquer palavra eu invento
na carnadura dos ossos
na escridura do éter
na concretude do vento
na engrenagem da sílaba
vocabulário onde posso
dar nome próprio ao veneno
que tem no agro negócio

Artur Gomes

Nenhum comentário:

Postar um comentário